GUIA: Cuidados com a Barba Masculina Grande ou Curta


Os homens de hoje em dia tem ficado cada vez mais vaidosos e preocupados com a beleza, saúde e bem estar.

Isso tem tomado as devidas proporções pelo fato de hoje as pessoas enxergarem esse cuidado que o homem tem com ele mesmo, como cuidado de fato e não como estética pura, o que muitas vezes acontece com as mulheres.

Falando sobre isso, as barbas merecem grande destaque, pois elas são sim capazes de mudar uma fisionomia, disfarçar o formato do rosto, valorizar e até desvalorizar o face do homem, tudo vai depender de como ela é usada e cuidada.

Por isso, hoje vamos falar sobre os tipos de barbas mais usados no momento e como cuidar dela, para crescer e se manter bonita.

1) Barba Old Dutch
Esse pode ser considerado o estilo mais famoso e radical do momento. O nome não é tão conhecido mas as barbas desse estilo já tomaram conta das ruas, passarelas, cinemas e etc.

O estilo consiste em deixar as laterais mais aparadas e certinhas, deixando o volume para a região do queixo, muito voluma por sinal! É um tipo de barba que muitos homens tem se tornado adeptos, fazendo muito sucesso, apesar de sempre ter existido e marcar presença nos rostos dos homens que gostam de uma boa barba.

Uma das explicações para todo esse sucesso? É a reformulação de um estilo mais antigo, que já era muito usado, trazendo para ele as características do tempo atual.

2) Barba Cheia
A barba cheia tende a ser um pouco mais despojada, despretensiosa. Um de seus pontos fortes é a praticidade, já que para ela não é necessário muita paciência e cuidado para manter o estilo.

Ela pode ser considerada uma “prima” da old dutch, pois as laterais também são mais baixas e os pelos do queixo ganham destaque. A diferença principal entre a barba cheia e sua prima, é que ela é volumosa mas não comprida.

3) Barba por fazer
Um dos estilos de barba mais descontraído que os homens usam é a barba por fazer, que dão ao homem a chance de manter o formato do rosto, já que não há nenhum tipo de volume e/ou comprimento que dê alguma outra impressão.

Deixar a barba por fazer não significa não fazê-la, muito pelo contrário, é importante sempre cuidar, para que os pelos fiquem bem curtinhos e rentes ao rosto, sem deixar a impressão de barba mal feita. Uma dica, é sempre retirar os pelos que fogem pelas laterais e aparar.

4) Bigodes
Eles ainda são vistos com um certo olhar preconceituoso, o que é uma infelicidade, pois os bigodes são muito famosos, os verdadeiros e super bigodes!

Os mais usados ultimamente são os mais antigos, que são clássicos, maiores e mais grossos. Esses tem entrado no novo estilo moderno de barbas dos homens.

5) Barba completa
Esse tipo segue a linha das barbas mais cheias, porém parece um pouco com a barba por fazer, só que com os pelos mais compridos.

Ela é uma barba cheia moderada e comportada, pois deixa os pelos do rosto todos do mesmo tamanho, assim o desenho do rosto se mantém. Esse estilo também pede um cuidado mais frequente, para aparar os pelos que saem e ficam desalinhados. É ótima para os homens de rosto mais quadrados e para os que querem passar um ar de seriedade.

Conhecidos os tipos de barba, fica muito mais fácil escolher o que fazer no rosto, não é mesmo? Elas variam de estilo para estilo e também por conta dos formatos dos rostos.

Independente do estilo, o importante é manter a barba sempre em ordem e bem cuidada! Veja como.

Um dos grandes problemas dos homens em relação a barba, é o crescimento uniforme dela, já que isso varia muito de homem para homem. O importante é sempre fazer a barba corretamente, pois aparar ou até mesmo deixar de fazer para ver se cresce não traz resultado algum.

Para que o crescimento fique bonito, ele deve ser uniforme, ou seja, os pelos do bigode e do queixo devem crescer na mesma proporção. Saber se isso está acontecendo ou não é fácil, faça toda a barba e observe o crescimento das áreas, isso ajuda a identificar possíveis falhas e a forma de crescimento da barba.

Hormônios. Sim, eles também influenciam e muito na aparência e desenvolvimento da barba. O nível de testosterona no organismo é diretamente relacionado com o crescimento dos pelos. Por isso, caso você tenha alguma dificuldade com o crescimento dos pelos, invista em métodos que aumentem os níveis do hormônio. O resultado não será visto rapidamente, mas a longo prazo será percebido.

De cara limpa. É muito importante para deixar a barba crescer, que ela seja totalmente removida, para que ao crescer novamente isso aconteça de forma uniforme. Após raspar completamente, espere até que ela cresça e não faça mais nada.

A coceira na barba realmente existe, mas isso no período de crescimento dela. Após aproximadamente 4 semanas, quando a barba já estiver maior e mais macia, essa coceira diminui ou até mesmo desaparece. Aqui é importante o uso de óleos e hidratantes para barbas que suavizem os fios, isso acalma a pele e diminui a coceira.

Para que ela sempre tenha uma boa aparência e fique bonita, o ideal é sempre aparar, um bom tempo é a cada 5 – 10 dias, dependendo da velocidade do crescimento da sua barba.

Para aparar a barba, prefira usar aparadores ao invés de tesouras, fica mais fácil ajustar o corte de desenhar, já que o aparelho possibilita ajustar os níveis, para definir o tamanho da barba e a inclinação facilita aparar nas áreas mais difíceis e curvas.

Antes de aparar, é válido higienizar a barba, lavando com shampoo de cabelos ou próprio para barbas.

Para facilitar que a barba fique certinha e também para facilitar a hora de aparar, penteie regularmente.

Após fazer a barba, use sempre um produto pós barba, para combater o ressecamento, coceiras e deixar tanto a pele como a própria barba com um bom aspecto.

O importante é encontrar um estilo de barba que combine com você e com seu tipo de rosto e cuidar bem dela!

Dúvidas? Comente!

One Comment

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar! :)